Audi testa novo método de pintura sem excesso de pulverização

A Audi está investindo em novo processo para pintura dos veículos, sem que seja necessário  excesso de pulverização. O uso de revestimentos pesados, que demoram a ser aplicados, não é mais necessário quando se pinta sem excesso de pulverização. Para aplicar uma cor contrastante, os funcionários anteriormente tinham de usar equipamentos de proteção em parte relevante da carroceria e depois pintá-la separadamente com um segundo processo.

Agora, um instrumento de alta precisão controlado por robô mede a solda a laser entre o teto e a estrutura lateral antes que cada carro seja pintado. Um aplicador especial aplica a tinta preta diretamente na carroceria em tiras individuais com precisão milimétrica. O aplicador coloca as tiras de tinta nas bordas sem qualquer “névoa”, sem excesso de spray.

Esse método economiza tempo e dinheiro, e o meio ambiente também se beneficia. Além de não ser mais necessário o uso de material para recobrir a carroceria, menos tinta é necessária no processo de pintura. A  montadora pretende utilizar o método na produção em série de veículos já no próximo ano.

Antonio Puga

Antonio Puga

Antonio Puga é jornalista, especializado no setor automotivo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.