SUV X70 é destaque da Lifan no Salão do Automóvel

Após lançar o X80 em meados deste ano, um SUV premium de sete lugares, a chinesa Lifan apresenta o X70, sucessor do X60, no Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, que ocorre até 18 de novembro, na capital paulistana.

Com cinco lugares, o X70 ainda não tem data de lançamento no Brasil, mas a marca já definiu a importação do modelo. Segundo o presidente da Lifan Motors, Johnny Fang, o lançamento deverá ser no primeiro semestre do ano que vem. “Queremos que o novo SUV esteja disponível para venda o quanto antes”, afirma ao comentar que nesse período também será definido se o novo carro será montado no Uruguai ou se virá importado diretamente da China.

O X70 deve contar com motor 2.0 litros, 16V, VVT-i, que desenvolve 140 cv de potência e 18,9 kgf.m de torque. Haverá uma versão com transmissão CVT e outra com câmbio manual de 5 marchas.

7 lugares
A marca aproveita o Salão para avaliar o interesse do consumidor por veículos de sete lugares com custo mais acessível. Um deles é o SUV médio MyWay, com motor de 1.8 litro, 16V, VVTi de 128 cv e torque de 16,8 kgfm, tração traseira e duas opções de transmissão: manual ou automática, ambas de 5 marchas.

Já a minivan M7 é um veículo que oferece luxo, sofisticação e conforto para sete passageiros. Tem motor 2.0 litros, 16V, VVTi que desenvolve 140 cv de potência e 18,9 kgf.m de torque, acoplado a transmissão CVT ou câmbio manual de 5 marchas.

O Salão Internacional do Automóvel de São Paulo ocorre de 8 a 17 de novembro, das 13h às 22h (com entrada até as 21h), e no domingo, 18 de novembro, das 11h às 19h (com entrada até as 17h), no São Paulo Expo (rod. dos Imigrantes, km 1,5, São Paulo – SP). Ingressos a partir de R$ 27,50.

Alexandre Akashi

Alexandre Akashi

Editor da Revista Farol Alto alexandre@farolalto.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.