Teatro no ônibus escolar

Ensinar e educar com diversão. Todos sabem que diversas crianças juntas, em um ambiente fechado, tende a fazer aquela bagunça. Tudo muito normal. Mas, dentro de um ônibus escolar, precisam aprender que existem regras, como respeitar os colegas, motorista e a monitora.

Pensando nisso, a Diastur Turismo criou há seis anos o projeto Teatro a Caminho da Escola, que utiliza divertidas apresentações teatrais dentro dos ônibus escolares para ensinar alunos do Ensino Infantil (3 a 5 anos) e do Ensino Fundamental (6 a 11 anos) de São Bernardo do Campo e Santo André as regras do transporte escolar e das escolas.

Milena Braga Romano, diretora da Diastur Turismo, conta que a ideia da
ação ocorreu em razão do número de ocorrências registradas pelas monitoras dentro do transporte escolar, relacionadas à adaptação dos alunos às regras do transporte, como pontualidade no horário de embarque, manter o cinto de segurança afivelado durante a viagem, não se alimentar dentro do ônibus e respeitar os colegas, o motorista e a monitora.

Segundo Milena, as apresentações transformaram os costumes das crianças durante o trajeto entre suas casas e as escolas e ganharam excelente aceitação, tanto que no ano passado, as peças teatrais dos ônibus foram parar também dentro das escolas. “Neste primeiro ano nas escolas, cerca de 1.500 crianças assistiram aos espetáculos”, diz Milena.

Este ano, o projeto Teatro a Caminho da Escola, que conta com a participação da Secretaria de Educação e das escolas atendidas pela Diastur, já realizou cerca de 30 apresentações, envolvendo 12 escolas e 52 linhas escolares. A Secretaria de Educação organiza o cronograma de datas e os horários que as apresentações devem ocorrer e as instituições auxiliam na construção dos textos conforme as necessidades.

Nas escolas, as apresentações duram em média 15 minutos e são realizadas de terça a sexta-feira, em dois períodos (manhã e tarde), conforme a programação da Secretaria de Educação. As escolas recebem as apresentações nos dois períodos (manhã e tarde). Uma dupla de atores encena os textos adaptados às necessidades das escolas para educar e instruir as crianças como pontualidade com os horários, higiene pessoal e violência. Neste modelo, os alunos recebem a apresentação teatral dentro da escola (teatro ou pátio).

No transporte escolar a serviço da prefeitura, as apresentações são realizadas também por uma dupla de atores, na saída dos alunos do período da manhã e na entrada do período da tarde, e duram, em média, cinco minutos.  Neste modelo, os alunos são surpreendidos dentro do transporte com a visita dos personagens.

O projeto Teatro a Caminho da Escola teve início em 2012. Nesses mais de seis anos, cerca de 10 mil alunos assistiram às mais de 2.000 apresentações realizadas, como: Peter Pan e Fada Sininho; Chapeuzinho Vermelho e o Lobo Mau; Sítio do Pica Pau Amarelo (Emília e Quindim); Carrossel; Turma da Mônica (Mônica e Cebolinha); Homem Aranha; Batman; Mulher Maravilha e Turma do Chaves.

Alexandre Akashi

Alexandre Akashi

Editor da Revista Farol Alto alexandre@farolalto.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.